#engoleesserobalo

18 de outubro de 2011

Engole tudo até o talo!

Aí que olha… MELHOR MEMENTO MAMILOS do show. A gente sabe que já tem N videos do Funk do Japa pelaí, mas olha… assim de cara com o palco, só a gente faz! muah muah muah!

Atentem para a sensualidade malemolente de Fernando Eduardo aka DUDU no fim do video [insira seu pensamento malicioso aqui].

Aperta o play, macacada!!

Thaty, muitos beijos no corpo! Valeu, miguxa!

———————————————————————————–

E NÃO É SÓ ISSO!

Temos para você, raruxo – saltitante, serelepe, catito e pimpão – a letra eeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee o MP3 dessa maravilha da MPB (Música Popular Bulinativa). DELEITEM-SE!

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR O MP3

FUNK DO JAPA
(Fernando Anitelli/ Andrea Barbour)
Fui no japonês
Pra comer de pauzinho
Chegou na minha vez
Ele disse bem baixinho
Quer que eu frite e esquente?
Quer que eu frite e esquente?
Quer que eu frite e esquente?
Ou quer comê-lo cru?
Quer que eu frite e esquente?
Quer que eu frite e esquente?
Quer que eu frite e esquente?
Ou que comê-lo cru?
Puta que pariu
Nunca vi nada igual
Um outro japonês me disse
Garfo, faca ou pau?
Garfo, faca ou pau?
Garfo, faca ou pau?
Garfo, faca ou pau?
Pra comê-lo cru.
Garfo, faca ou pau?
Garfo, faca ou pau?
Garfo, faca ou pau?
Pra comê-lo cru.
Engole esse robalo
Engole esse robalo
Engole esse robalo
Engole tudo até o talo
Engole esse robalo
Engole esse robalo
Engole esse robalo
Engole tudo até o talo
Shimeji e sashimi
Salmão e atum não nego
O que eu quero mesmo
É aquele peixe prego
Deixa eu levar prego
Deixa eu levar prego
Deixa eu levar prego
No meu hot roll não nego
Deixa eu levar prego
Deixa eu levar prego
Deixa eu levar prego
No meu hot roll não nego
Comer no japonês
É o que você sempre quis
Agora o que não pode
É cuspir o cream cheese
Engole o cream cheese
Engole o cream cheese
Engole o cream cheese
Que vai me fazer feliz
Engole o cream cheese
Engole o cream cheese
Engole o cream cheese
Que vai me fazer feliz

oi tudo bei

16 de outubro de 2011

Todo mundo tá sabendo da promoção do Cifra Club que vai dar um violão do Fernando, né? Então nesse domingo LINDO em que o show do TM foi cancelado por causa da chuva (ia ser lindo o woodstock em Guarulhos) a gente foi perder tempo assistindo os videos da promo.

E assim…. MUITA EMOSSAUM NO CORAÇÃO. Admiramos profundamente todos os participantes e agradecemos imensamente pelos momentos delicisos desse domingo de tédio bocejos bolas de feno rolando grilos mamilos e etc etc!

Olho na tela Brasewwwwwwww!

Não conseguimos prestar atenção na música devido a make ser tão linda e inspiradora. Sério:

Boa sorte pra quem tá participando!

 

 

VAMOS AO RIO DE JANEIRO?

4 de outubro de 2011

Veja o convite bacanudo e, para maiores informações, envie e-mail para sarcasmoraro@gmail.com

Vamos ao Rio de Janeiro?

Vamos ao Rio de Janeiro?

and the oscar goes to…

2 de outubro de 2011

Camila Abatti

A gente ADORA que a moça quase tatuou a letra inteira da música e que usou OUTRA música pra fazer o video!

Camila, sua linda! A gente vai entrar em contato com você pra entregar seu par de ingressos e seu kit do TM. Nos vemos dia 09!

 

Beijas!

VAMOS À LUTA, COMPANHEIROS!!!

22 de setembro de 2011

Vamos à Luta!

PELO FIM DO ABSURDO!
http://www.peticaopublica.com.br/?pi=P2011N14493

*qualquer semelhança é mera coincidência

EDIÇÃO ESPECIAL – REVISTA SARCASMO RARO MAGAZINE ED.003 #SR003

12 de setembro de 2011

Saudações, caros (e baratos) raruxos!
Como é de conhecimento de todos, na última semana foi lançado “A Sociedade do Espetáculo”, o terceiro CD d’O Teatro Mágico.

Tivemos o privilégio de participar desse momento e também estivemos no show de estreia, em Ribeirão Preto. E vocês podem acompanhar TUDO ISSO, baixando a EDIÇÃO ESPECIAL da SARCASMO RARO MAGAZINE!

CORRE RARUXADA… BOA LEITURA!

Clique na imagem para baixar
-------------------------------------------------------------------------------------------------
Baixe as edições anteriores da Sarcasmo Raro Magazine pode ser baixada clicando nas capas abaixo:

 

Sarcasmo Raro Lyrics – EDIÇÃO ESPECIAL

9 de setembro de 2011

Salve raruxada!
“A Sociedade do Espetáculo” já está entre nós e, para que todos fiquem afinadinhos, nós trouxemos uma novidade bacãããããna!

Esperamos que gostem e compartilhem!!!

Clique na imagem para visualizar

REVISTA SARCASMO RARO MAGAZINE ED.002 #SR002

5 de setembro de 2011

Aeeee, demorou mas chegou… Cobertura de vários shows, aventuras diversas, risos e alegrias vocês poderão ver na nossa revista de número #2. Pra baixar é o mesmo esquema da primeira, só clicar na capa lindona ai embaixo!!

Baixem e divulguem…  E aguardem a próxima edição…

P.S.: A primeira edição da Sarcasmo Raro Magazine pode ser baixada clicando na
capa abaixo:

Transição ___impressões

5 de setembro de 2011

Obrigada, Fernando, por conseguir através do seu carinho trazer nossa amiga um pouco mais pra perto de nós de novo.

E pra você que não conheceu a Iza, a Bela, a nossa Belinha, a única coisa que se pode dizer é que essa música tem uma razão, um motivo:

AMOR.

 

 

E a certeza de que fomos infinitamente abençoados, por Deus, pela vida, pelo acaso… e por isso estamos ligados em amor por quem foi e sempre será nosso maior exemplo.

“Apta a habitar todo lugar
Se aflorar, Bela!”

Re-Vidar, Bela!

Esse Mundo Não Vale o Mundo ___impressões

5 de setembro de 2011

Então enfim, senhoras e sem dores, temos uma pequena amostra da FORÇA que A Sociedade do Espetaculo nos promete. Sabe essas músicas que te fazem sentir vontade de gritar ao mudo que não é assim, não é desse jeito? Pra quem nasceu depois da segunda metade dos anos 80 poder ser meio complicado de entender a comparação que vamos fazer aqui, mas sabe o que lembra? TODO AQUELE CLIMA FLOWER POWER DOS ANOS 70. Vamos cortas as nossas amarras através de que força? “Ter direito ao corpo e ao proceder, sem inquisição” “Ser indiferente ao ser diferente, é sem senso” Esse mundo não vale a sociedade que deixamos, o que deve nos preocupar mais: que mundo vamos deixar para os nosso filhos ou que filhos vamos deixar para o mundo?

Já falamos isso aqui, sim, vamos nos repetir: Grandes transformações começam nas pequenas mudanças de atitude. Sermos mais tolerantes com o próximo pode ser mais dificil do que parece, aceitar as escolhas do outro, mesmo quando não concordamos com elas, calar quando gritar seria  mais fácil. Talvez seja esse o começo, e começar não é fácil, mas quem sabe seja esse o passo fundamental para que nós nos tornemos merecedores desse mundo?

Aos poucos a tal amadurecência tão falada no Segundo Ato se mostra mais nitida nas letras e nos arranjos que aos poucos vamos descobrindo. O mais interessante é que a cada audição (tamo falando dificil? hehe) dessa música uma nova interpretação surge. Como um caleidoscópio, a cada mexidinha uma imagem totalmente diferente a partir de uma mesma matriz de cores. Uma infinidade de possibilidades, essa é força não só dessa música, mas ao que parece até agora de todo o novo disco que está prestes a chegar.


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 33 outros seguidores